10 regras para ser um grande lutador de boxe

Dois lutadores de boxe em ringue
Créditos Imagem
Licença: 
CC Attribution-NonCommercial 2.0

O boxe, também apelidado de pugilismo, é um desporto de contacto e de combate onde os praticantes usam os punhos para se defender e atacar os respetivos adversários. À semelhança de outros desportos de contacto, como o Vale Tudo e o Savate/boxe francês, entre outros, o boxe exige uma grande resistência física e mental por parte dos seus atletas e, como tal, tem regras específicas para os ajudar a combater. Conheça 10 regras para ser um grande lutador de boxe e mantenha-se sempre em forma. Só assim é que conseguirá ir longe na modalidade e, claro, conquistar títulos.

Treine ao máximo os golpes e os movimentos principais do boxe

O boxe possui vários golpes característicos que devem ser treinados de forma isolada para melhorar a técnica do respetivo boxeur, como: o jab ou golpe frontal; o direto, conhecido como golpe frontal com o punho atrás; o gancho que é feito com o movimento curvo do punho; o cruzado onde o alvo é a parte lateral da cabeça do adversário; o jab direto realizado com as duas mãos e o upercut realizado de baixo para cima, entre muitos outros. Para ser um grande lutador na história do boxe, deverá treinar todos os dias (com um saco de areia por exemplo), dominar todos os golpes na perfeição e realizar sequências específicas para deixar os adversários fora de combate.

Aceite as ordens do seu mestre e treinador

Acatar as ordens do seu mestre e treinador vai ajudá-lo a ser um melhor lutador de boxe. O seu treinador, mais do que ninguém, sabe as suas falhas e fraquezas, assim como os seus pontos fortes. Dessa forma, é a pessoa indicada para lhe traçar um plano de treino eficaz para melhorar a sua forma de combater. Oiça-o sempre com muita atenção, pois as suas dicas costumam valer ouro nos momentos de decisão.

Faça desportos complementares

Um desporto de contacto exige sempre uma grande preparação física que, muitas vezes, não é exclusiva à prática da modalidade. O boxe, por exemplo, é um desporto que precisa que os músculos dos seus praticantes estejam bem trabalhados e aí não há nada melhor que o trabalho que é desenvolvido nos ginásios. Por outro lado, é preciso ter uma grande resistência para aguentar todos os rounds de um combate e os exercícios de corrida são fundamentais para o conseguir.

Trabalhe a mente

O poder da mente durante um combate de boxe é extremamente importante e poderá fazer a diferença entre ganhar ou perder. Invista em exercícios de meditação e de autocontrolo para conseguir estar calmo e focado durante os combates.

Seja persistente

Não se fazem grandes lutadores de boxe em dois dias e a persistência é, sem dúvida, uma das chaves do sucesso de qualquer desportista. Cabe-lhe a si insistir e ser persistente nos treinos e treinar as suas falhas vezes sem conta para que elas desapareçam ou não sejam notadas. Além disso, persistir onde se é mais fraco vai ajudá-lo a ser mais determinado e confiante.

Trace objetivos e cumpra-os

Procure ser metódico no seu treino diário e nas suas tarefas normais do dia-a-dia, pois assim irá cumprir uma rotina específica que o vai ajudar a melhorar o seu desempenho enquanto lutador. Trace objetivos e cumpra-os e, no final, não se esqueça de fazer uma avaliação dos resultados para ver se há espaço a melhorar.

Dê importância ao descanso

O corpo e a mente precisam de recuperar do esforço despendido nos treinos e nos combates, logo, é de suma importância dar prioridade às horas de descanso e de lazer para o restabelecimento do equilíbrio e das forças. Um corpo descansado e equilibrado farão de si um melhor e mais ativo lutador.

Recorra aos serviços de um massagista

Os bons ginásios já oferecem este tipo de serviço. Assim sendo, recorrer a massagens desportivas ou até mesmo de relaxamento promovem a boa saúde dos seus músculos e podem ajudar no tratamento de lesões associadas a este desporto.

Trate bem das lesões

Sempre que tiver o infortúnio de sofrer uma lesão, adapte o seu treino e o seu modo de vida a essa mesma circunstância para que a lesão não evolua mais. Não ignore as dores por mais insignificantes que elas sejam, uma vez que essa pode ser a diferença entre combater melhor ou acabar a carreira mais cedo.

Seja resiliente e resista ao stress

Na maior parte das vezes, o mais importante não é a força devastadora dos seus socos, mas sim a resistência e a capacidade em receber os socos dos adversários. É importante manter o foco e, mesmo em situações controversas, estar concentrado no cumprimento dos seus objetivos.

A sua votação: