O Jiu-Jitsu Brasileiro

Jiu-Jitsu Brasileiro
Créditos Imagem
Licença: 
CC Attribution 2.0

O Jiu-Jitsu Brasileiro é um dos desportos mais proveitosos e espetaculares para todos os entusiastas das lutas marciais. Conheça um pouco mais acerca do Jiu-Jitsu Brasileiro e da sua história e saiba porque é que esta modalidade é considerada uma das artes marciais imbatíveis.

O que é o Jiu-Jitsu Brasileiro?

O Jiu-Jitsu Brasileiro é um estilo de Jujutsu ou Ju-Jitsu japonês que foi desenvolvido no Brasil pela família Gracie. Trata-se de uma arte marcial que reflete um desporto de combate e revela um sistema de defesa pessoal próprio que se concentra no imobilizar da ação do adversário.

A prática do Jiu-Jitsu Brasileiro permite o domínio do adversário, independentemente do seu tamanho, mediante a aplicação de técnicas específicas que o forçam à submissão. Este é um desporto que ensina uma pessoa frágil a defender-se de adversários mais fortes e uma das suas vantagens principais concentra-se na luta corporal que é realizada no chão e no desarmar dos pontos fortes dos oponentes.

O Jiu-Jitsu Brasileiro pode ser classificado como uma ciência exata dos movimentos coordenados de defesa pessoal, que utiliza alavancas e bloqueios de respiração sem magoar o seu agressor, mas que o forçam a desistir dos seus intentos.

A aplicação prática do Jiu-Jitsu Brasileiro

O Jiu-Jitsu Brasileiro é um desporto marcial que pode ser trabalhado e utilizado em várias perspetivas diferentes:

Torneios de Grappling. É uma técnica de imobilização pelo meio da qual existe um domínio do oponente. Trata-se de uma forma de combate muito utilizada na formação dos polícias e nos desportos de competição como o wrestling. Nestes torneios, os praticantes exibem as suas habilidades técnicas, físicas e psicológicas com o objetivo de neutralizar, imobilizar ou torcer as articulações dos adversários, levando-os à desistência.

Torneios de mistura de artes marciais (MMA). Estes são os torneios que mais têm vindo a crescer no segmento das artes marciais e são muito populares em todo o mundo. É frequente encontrar neste tipo de torneios todo o tipo de lutadores e o Jiu-Jitsu Brasileiro é um dos estilos mais utilizados e apreciados. O vale tudo é um desporto que reúne vários destes estilos e técnicas e também está presente neste tipo de competição.

Defesa pessoal. É o modelo seguido pela maioria dos praticantes e não tem qualquer tipo de objetivo competitivo. Todos os praticantes recorrem à flexibilidade do seu corpo, de modo a evitar os golpes dos seus adversários e utilizam a sua força de forma inteligente com o auxílio das técnicas mais adequadas. Estes são os princípios básicos do Jiu-Jitsu Brasileiro.

A História do Jiu-Jitsu Brasileiro

A história do Jiu-Jitsu Brasileiro remonta ao século XIX e está diretamente relacionada com o aparecimento da Escola de Judo Kodokan (1882), quando Jigoro Kano desenvolveu um método desportivo que reunia as técnicas menos perigosas do Jiu-Jitsu, onde privilegiava um domínio da luta tanto em pé como no solo.

Mitsuyo Maeda foi um dos grandes mestres de Jujutsu e de Judo na escola de Kodokan e teve como missão principal dar a conhecer a arte deste desporto a todo o mundo. O mestre Maeda deixou o Japão no ano de 1904 para visitar inúmeros países e realizar várias demonstrações e combates com wrestlers, boxers, lutadores de Savate, entre outros. O novo estilo de luta conseguiu surpreender os mais céticos e começou, desde logo, a ganhar simpatizantes em todos os cantos do mundo.

Em 1914, Mitsuyo Maeda chega ao Brasil e foi auxiliado e recebido por Gastão Gracie. Para agradecer a hospitalidade de Gastão, o mestre de judo ensinou a Carlos Gracie (filho de Gastão) a nova arte marcial do Jiu-Jitsu. Em meados do século 20, Carlos Gracie transmitiu os seus conhecimentos marciais aos irmãos Osvaldo, Gastão, Jorge e, mais tarde, Hélio Gracie. Ao aprofundar os estudos, os irmãos Gracie desenvolveram o Jiu-Jitsu Brasileiro (também conhecido como Jiu-Jitsu Gracie), que é uma variante distinta do original.

O Jiu-Jitsu Brasileiro é uma arte marcial que herdou do Jiu-Jitsu original o método da alavancagem e do desequilíbrio dos adversários, usando a força dos oponentes contra eles próprios, apresentando lutas vigorosas no chão.

A expansão internacional do Jiu-Jitsu Brasileiro

Ao modificar as regras internacionais do Jiu-Jitsu Japonês, Carlos Gracie introduziu, pela primeira vez, uma nacionalidade e uma identidade própria numa luta marcial existente. Isso foi um acontecimento único na história do desporto mundial e foi assim que nasceu o Jiu-Jitsu Brasileiro que, posteriormente, foi exportado para todo o mundo.

Esta modalidade foi conquistando inúmeros discípulos e adeptos ao longo dos anos, no entanto, só se tornou mundialmente famosa no início dos anos 90, quando o especialista brasileiro em Jiu-Jitsu, Royce Gracie, ganhou diversos Ultimate Fighting Championships (UFC) – um famoso torneio de artes marciais – contra adversários bem maiores que defendiam outros estilos de luta.

Atualmente, é uma das artes marciais que mais cresce em todo o mundo e a sua prática atrai milhares de adeptos da modalidade.

A sua votação: