O Vale Tudo

Vale Tudo um dos desportos mais electrizantes, energéticos e intensos
Créditos Imagem
Licença: 
CC Attribution-NonCommercial-NoDerivs 2.0

Actualmente, existem vários desportos que pode praticar: pode optar pelos ligados ao contacto com a natureza, passando pela adrenalina dos céus, até às actividades de aventura praticadas na água. Por outro lado, encontra também os de pura competição, em que a palavra de ordem é vencer! Conhece algum desporto que combina a agilidade de Bruce Lee ou Jackie Chan, com a destreza de Steven Seagel ou mesmo a impetuosidade de Chuck Norris? Não? Então ainda não ouviu falar do desporto Vale Tudo!

O Vale Tudo é um dos desportos mais electrizantes, energéticos e intensos que pode imaginar, o objectivo principal passa por derrotar o adversário que está diante de si. Trata-se de uma mistura de artes marciais combinadas e é considerado um sistema de luta moderno, onde se demonstra a eficiência combativa dos seus praticantes.

Vale Tudo, o que é?

É o termo português utilizado por lutadores que se desafiam para realizar lutas em contacto pleno (Full Contact), sem regras, sem limites, com o objectivo de provar qual o mais forte de todos e assim obter o respeito de toda a elite.

O Vale Tudo é considerado um desporto brutal, em que somente os melhores de entre os melhores conseguem singrar. Os seus praticantes são autênticos gladiadores que se enfrentam concentrados unicamente em ganhar o desafio, no fundo, não importa os meios, mas sim os fins, ou seja, a vitória.

O Vale Tudo é, neste momento, mais do que um desporto agressivo e violento, é uma arte de combate. Os seus espectáculos, em recintos apinhados de pessoas, são caracterizados por inúmeros estilos e golpes, o que proporciona aos seus espectadores momentos de incredulidade, capazes de fazer abrir a boca de espanto.

História da modalidade

A modalidade foi implementada no Brasil na década de 60 e tornou-se popular graças à família Gracie que deu a conhecer este desporto por todo o mundo. O Vale Tudo popularizou-se nos Estados Unidos com o nome de Ultimate Fighting Championship (UFC), onde a regra consistia em cada lutador pôr em prática a modalidade treinada. Os atletas estavam aptos em vários campos de luta, com uma resistência gigantesca e muito poderio físico. Depois do sucesso deste torneio, outros se seguiram, como StrikeForce no USA, IVC no Brasil, o PRIDE no Japão e M-1 na Rússia.

No Vale Tudo, qualquer modalidade de luta é aceite: da capoeira ao Jiu-Jítsu, passando pelo boxe, Karaté, Kickboxing, Muay Thai e luta livre, entre outras artes marciais.

Hoje em dia, com a evolução e regulamentação da modalidade, a curiosidade geral aumentou tanto a nível de regras como de interesse. Os praticantes são examinados por médicos no início e final das lutas e foram também criadas categorias de pesos para não existir um desnível na competição. Com a profissionalização do Vale Tudo, este desporto ganhou o nome internacional de Mixed Martial Arts ou MMA.

É uma modalidade que começou a ganhar inúmeros adeptos e simpatizantes e é muito popular em todo o mundo.

As principais vantagens

Esta actividade tem como finalidade o desenvolvimento físico e psicológico do homem, assim como dotá-lo de mecanismos de defesa próprios contra qualquer tipo de agressão. É um desporto que é muito completo pois trabalha a auto confiança e a auto-estima dos seus praticantes. O vale tudo aprimora os reflexos humanos e desenvolve a coordenação motora, administrando a ansiedade e as emoções.

É uma forma de interacção social onde é destacada a vertente física, pois recorre à utilização de todos os músculos do corpo, o que permite aos atletas uma vincada evolução da sua resistência cárdio-vascular, potência muscular e elasticidade. E, por outro lado, a vertente psicológica que permite conhecer a garra e a vontade destes homens, autênticos gladiadores que se enfrentam.

A prática e as suas regras

Uma modalidade assim poderia, à primeira vista, ser considerada perigosa por alguns, mas a verdade é que existem regras rigorosas destinadas a proteger os praticantes.

  • Os combates têm a duração de ter três rounds de 5 minutos cada (isto pode variar consoante a organização ou a existência de um título em jogo);
  • São proibidos golpes aos olhos, órgãos genitais, nuca e espinha dorsal, bem como cabeçadas e torção de dedos;
  • Um lutador pode desistir a qualquer momento, e tanto o árbitro como o médico da organização estão permanentemente atentos à condição dos atletas, colocando a segurança destes em primeiro lugar;
  • Os lutadores são obrigados a usar luvas, para que alguns ataques perigosos para a sua integridade física não sejam executados.

Um lutador tem de estar preparado para qualquer situação: se for mandado para o chão terá que se sentir à vontade para lutar no solo. Se o confronto se desenrolar com punhos e pontapés também tem de estar à vontade nesse campo.

Há quatro maneiras de perder um combate:

  • KO: quando um lutador perde a consciência em virtude de golpes ou outros impactos;
  • Quando é feita uma chave: torcer por exemplo um braço ou um pé ao adversário de modo a que ele desista;
  • KO técnico: quando o árbitro pára o combate por um dos atletas estar em inferioridade;
  • Por último, existe a vitória tradicionalmente atribuída por juízes através de pontuação.

Habilidades e técnicas

Neste desporto encontramos algumas das habilidades mais espectaculares e incríveis de todos os desportos de luta e algumas técnicas de cortar a respiração. Destacamos as principais:

Armbar

O armbar, conhecido também como chave de braço, é quando um dos lutadores dobra o cotovelo do adversário na direcção contrária à normal, com vista a conseguir a sua desistência (submissão).

Clinch

O clinch reflecte uma situação de combate em que os lutadores estão agarrados em pé, e a partir da qual é possível usar técnicas de dirty boxing (série de vários golpes) ou procurar levar a luta para o chão.

Grappler e Striker

O grappler é uma etapa do combate em que a especialidade do lutador é o combate no chão. O striker é quando a especialidade do lutador é o combate em pé.

Guarda

A guarda reproduz uma posição em que um lutador está deitado de costas e mantém o adversário envolto pelas suas pernas. Existem diversas variações desta posição, como por exemplo, guarda fechada, guarda aberta ou meia guarda.

Guilhotina

No que diz respeito à guilhotina é uma técnica em que um dos lutadores envolve a cabeça do adversário e o estrangula com o seu antebraço, com a finalidade de obter uma desistência.

Kimura

É uma outra técnica em que um lutador controla o braço do adversário e o dobra para trás, com o intuito de conseguir uma desistência.

Knock down

Quando um lutador derruba o adversário com um golpe, mas este último continua capaz de se defender. No boxe, o árbitro faria uma contagem de protecção para o atleta caído se levantar, na MMA o combate continua sem interrupções.

Montada

Posição de controlo na qual um dos lutadores está situado por cima do adversário. Inclui diversas variações: a montada lateral, a montada frontal ou a montada invertida.

Rear naked choke

Também chamado de mata leão, em português. Consiste numa técnica em que um lutador se posiciona nas costas do adversário e o estrangula com o braço ou ambas as mãos, de modo a conseguir uma submissão.

Triangle choke

Técnica em que um lutador, geralmente deitado de costas, estrangula o adversário com as pernas de forma a conseguir uma submissão.

 

O Vale Tudo é, resumidamente, um desporto único e incomparável. Depois de conhecer esta actividade de guerreiros, certamente que nomes como Bruce Lee, Jackie Chan, Steven Seagel ou mesmo Chuck Norris mais se parecerão com meninos de coro em comparação com os praticantes do Vale Tudo – verdadeiras personagens de um enorme arsenal bélico!

A sua votação: